Minha classificação:
♥♥♥♥
Oi gente. Como estão ? Hoje eu trouxe pra vocês uma resenha de um dos meus livros preferidos.Espero que gostem !!

  Quem gosta de livros do gênero Sobrenatural, vai adorar esse livro. Ele é recheado de coisas malucas,  rsrs. O que me levou a ler esse livro foi o romance que havia na história, mas confesso que o livro me surpreendeu muito e não foi no gênero romance. Ele é um livro intrigante, cheio de aventura, mistérios e suspense, porém totalmente envolvente.

  O livro tem quase 500 páginas, o que achei grandinho demais porque muitas partes chegam a ser um pouco pardas. Ele começou a ficar interessante perto da página 60. Antes disso não há muito uma história a ser contada, há apenas  "apresentação" dos personagens e muitos detalhes da cidade.

  O livro é narrado em 1° pessoa, pelo personagem de Ethan Wate.

  Ethan é um jovem de 16 anos que está cursando o primeiro ano do colegial na pacata cidade de Gatlin. Ele perdeu sua mãe há poucos meses e agora vive apenas com Amma (trabalha para a família há anos e ele a tem como uma segunda mãe) e pelo seu pai (que entrou em depressão após perder sua esposa). Ele sonha em terminar logo o colegial e ir pra faculdade e assim ir embora da cidade, começar uma nova vida longe dali.

  Mas tudo começa a ficar estranho quando Ethan começa a ter uns sonhos estranhos que envolve uma garota que ele não consegue ver o rosto. Ele tem o mesmo sonho todas as vezes: a garota está em perigo e precisa de sua ajuda. Mesmo ele não conseguindo vê-la, acredita que está começando a sentir algo por ela. Como pode se apaixonar por alguém que aparece em seus sonhos? Ele acha que está ficando louco.

  Tudo muda numa manhã de aula quando descobre que uma nova garota se mudou pra cidade e está frequentando a mesma escola que ele. E não é uma garota qualquer... é a garota que ele vem sonhando todas as noites. Aquela por quem ele estava se apaixonando sem nem saber quem era. Como é possível?

  Lena Duchannes tem 15 anos e é sobrinha de Macon Revenwood, um morador recluso muito antigo na cidade e que não é bem visto pela sociedade. Isso faz com que Lena seja o mais novo alvo de fofocas da escola e da cidade e é perseguida por isso.  Lena é uma "conjuradora" (entenderão no livro) que está prestes a completar 16 anos e isso está sendo seu pior pesadelo, pois quando chegar seu aniversário, ela será Invocada (escolhida) pelas forças das Trevas ou pela Luz. Não há como escapar disso. Tudo indica que será Invocada pelas Trevas e esse é seu maior medo. Ela agora corre contra o tempo para encontrar um meio pra que isso não aconteça.

  Aos poucos Ethan e Lena vão se conhecendo e entendendo a ligação que há entre eles. Ele não se afasta mesmo depois de descobrir que Lena não é uma garota comum. Ele escolhe ficar ao seu lado mesmo indo contra todos. Juntos eles descobrem coisas do passado de seus ancestrais e é quando tudo começa a fazer sentido. Após Ethan presenciar inúmeras coisas estranhas com Lena e sua família, ele entende o motivo que tanto aflige Lena e seus familiares: seu 16° aniversário, e uma maldição.

 Bem, o livro é realmente um misto de romance regado a suspense e muitos mistérios: magias, poder de persuasão, conjuros, mortes, espíritos, feitiços...  Nesta resenha não há como colocar todos os pontos altos deste livro, pois são muitos. São muitos acontecimentos e um melhor que o outro, acreditem.

No livro tem várias personalidades estranhas e bem diferentes. As autoras (Kami Garcia e Margaret Stohl) criaram excelentes personagens e muito cativantes. Elas conseguiram fazer um livro empolgante e que prende muito a atenção do leitor.



Image and video hosting by TinyPic

Se você quer se surpreender com uma leitura, super indico "Dezesseis Luas"! Ele é o típico livro que você não aposta muito, mas que depois se torna um dos seus favoritos, rsrs. Ele se tornou um dos meus!



4 Comentários

  1. Eu nunca li o livro, mas já vi o filme e gostei bastante!
    O livro é muito diferente o filme?

    bjs!
    http://tuttiifiori.com/blog/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um pouco.O filme omite muitas cenas do livro.Não são cenas tão importantes mas eu gostaria muito de ter as visto no filme.Como a cena do baile,as visões fragmentadas e a festa da Lena.E é claro,eles mudaram algumas coisinhas,mas nada que atrapalhe a leitura.

      Excluir
  2. Olá, achei seu blog no facebook e gostei bastante das matérias!

    http://sramaia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir